Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
  • Acessibilidade
  • Alto Contraste
  • Mapa do Site
  • PortugueseEnglishSpanishChinese (Simplified)FrenchGermanItalian
Página Inicial > Notícias - PE > Professora participa da Semana de Relações Étnico-Raciais
Início do conteúdo da página Notícias

Professora participa da Semana de Relações Étnico-Raciais

Evento foi realizado em São Luís Gonzaga, pela secretaria de educação do município, nos dias 13 e 14 de outubro
  • Assessoria de Comunicação
  • publicado 18/10/2022 12h21
  • última modificação 18/10/2022 12h21

A professora de História Nila Michele Bastos Santos foi convidada para participar da I Semana de Relações Étnico-raciais da Secretaria Municipal de Educação (Semed)de São Luís Gonzaga. Na ocasião foram distribuídas mais de 200 cartilhas antirracista fruto de projeto da pesquisadora do IFMA Campus Pedreiras. Além da docente, também foram chamados para o evento o Comitê da Diversidade do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJ-MA).

 

Nila Michele Bastos Santos tem publicações de material didático-pedagógico sobre o debate das questões étnico-raciais e as relações de gênero na escola. Entre os produtos educacionais, está a cartilha “Agó Yagó Oluko: teorias e metodologias motivacionais para o ensino da História africana e afro-brasileira”, derivada de projeto de pesquisa homônimo financiado pelo Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica (PIBIC) Ensino Médio 2020/2021 do IFMA Campus Pedreiras em parceria com o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), e impressa com patrocínio do Comitê da Diversidade do Tribunal de Justiça do Maranhão. Já a outra publicação é a “A Caixa do LEGIP: produtos didáticos do laboratório de estudos de gênero do IFMA Campus Pedreiras em prol de uma educação para a igualdade de gêneros”, do

Laboratório de Estudos de Gênero (LEGIP), escolhida em 3º lugar na categoria Igualdade de Gêneros, no Prêmio 15 Anos de Políticas Públicas para Mulheres, promovido pela Secretaria da Mulher (SEMU) e Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão (Fapema).

 

 

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página